domingo, 19 de junho de 2016

Fox estreia ‘1 Contra Todos’

Série brasileira é inspirada em uma história real.
 Por: Fernanda Furquim



O canal Fox Action estreia esta noite, dia 17 de junho, às 23h, a série 1 Contra Todos, dirigida por Breno Silveira,, com roteiro de Silveira, Thomas Stavros e Gustavo Lipsztein. A série começa a ser exibida pelo canal Fox (do pacote básico) no dia 20 de junho, às 22h30.
Na história, o advogado Cadu (Julio Andrade), um homem que está prestes a ser pai pela segunda vez, perde seu emprego. Sua situação se complica quando, por engano, ele é injustamente condenado pelo crime de tráfico de drogas, em Taubaté do Sul, no interior de São Paulo.
Tentando sobreviver à prisão, ele se vê obrigado a mentir e a adotar um comportamento criminoso. Para tanto, conta com a ajuda do Professor (Adelino Lima), um homem que está preso há mais de 25 anos por tráfico e homicídio. Considerado um conselheiro dentro da penitenciária, ele sabe de tudo que acontece lá dentro. Acreditando que Cadu é inocente, Professor se torna uma figura paterna para ele.
O ex-advogado também conta com o apoio de China (Thogun Teixeira) e Mãe (Sílvio Guindane, de Vai que Cola, A Lei e o Crime). O primeiro, condenado por homicídio, acredita em suas mentiras, o que o leva a se tornar seu amigo e segurança, arriscando sua própria vida para proteger o ‘Doutor do Tráfico’. O segundo, condenado por tentativa de homicídio, segue as ordens de China, chefe da cela onde está preso.
Por outro lado, a chegada de Cadu faz com que Playboy (Sacha Bali), condenado por roubo a banco e formação de quadrilha,  perca sua posição na hierarquia da cadeia, o que faz com que este jovem ambicioso se torne um inimigo de Cadu.
A penitenciária está sob o comando do diretor Demóstenes (Adriano Garib, de Magnífica 70, Maysa: Quando Fala o Coração), um homem ambicioso e corrupto que transforma a vida de Cadu em um inferno.
Enquanto isso, sua esposa Malu (Julia Lanina, de Magnífica 70, Surtadas na Yoga), disposta a tudo para salvar o marido, entra na farsa da nova identidade de Cadu e se torna a ‘primeira dama’ do tráfico de drogas.
O caso de Cadu ainda é investigado por Jonas (Caio Junqueira, de A Lei e o Crime), um policial federal que está há anos trabalhando para levantar provas contra o Cartel de Santa Cruz de La Sierra. Razão pela qual acredita na inocência de Cadu.



No elenco também estão Xando Graça, como JP, pai de Malu que acredita em Cadu; Roney Villela, como Santa Rosa, o carcereiro corrupto da ala em que Cadu está preso; Gustavo Novaes, como Faz Nada; Roberto Birindelli (Questão de Família), como Pepe; Stepan Nercessian (Magnífica 70), como Simões Lobo, apresentador de um programa de TV; e Luiz Felipe Mello, como Teo, filho de Cadu.
A primeira temporada tem oito episódios produzidos pela Fox Networks Group Brasil em parceria com a Conspiração. A série é baseada em uma história real, narrada a Silveira.
O primeiro episódio será disponibilizado no Fox Play gratuitamente durante trinta dias. No dia 20 de junho, a série estreia nos demais países da América Latina.

Fonte: Veja
 

2 comente!:

Arely disse...

Sempre colocar Adriano Garib como um lado da força negativa nas histórias. Em Magnifica 70 não é ruim, mas é legal que ele faz.No entanto, eu gosto do que ele traz, pois sem ele provavelmente não teria história. Esta série (Magnifica 70: programação HBO), eu gostei do primeiro capítulo vi. É uma série de tempo, definido nos anos 70 Nele, podemos ver a moda, música e atmosfera de censura e corrupção pela ditadura Brasil viveu. Na segunda temporada o magnífico são capturados em uma situação de chantagem e corrupção política e para deixar esse registro um filme que denuncia todos os atos em torno de um assassinato de um líder da ditadura.

fabiana sanchez disse...

Por onde anda caio agora? Em que projeto está trabalhando? Me gosta muito este ator😊